domingo, maio 24, 2009

Você sabia?

Você sabia que o besouro-bombardeiro se defende de seus inimigos através de duas bolsas com substâncias químicas que explodem quando misturadas?

O termo besouro-bombardeiro é a designação comum a diversas espécies de besouros da família dos carabídeos. Também são conhecidos pelos nomes de besouro-artilheiro, peidorreiro e tifu. Esse inseto vive a maior parte do tempo escondendo-se entre raizes de árvores ou debaixo de pedras. Sendo um animal carnívoro, eles alimentam-se de insetos de corpo mole.
Esta modesta criatura se defende de uma maneira bastante peculiar; seu corpo possui duas bolsas com substâncias químicas que explodem quando misturadas (peróxido de hidrogênio e hidroquinona), mas são benignas quando mantidas separadas. Assim, a primeira capacidade é que esse besouro possui duas bolsas distintas que mantêm as substâncias químicas separadas até que ele precise da reação química para protegê-lo.
A segunda capacidade é que esse besouro possui um revestimento de amianto em seu "caldeirão" onde os produtos químicos são misturados. Esse revestimento impede que a explosão química destrua o corpo do besouro ao ser projetada para fora.
Entretanto, uma terceira capacidade se faz necessária para impedir que a explosão que ocorre fora do corpo do besouro atinja-o quando a corrente da química explosiva irrompe para fora do corpo. Se essa corrente fosse contínua, o besouro seria explodido pela reação química que sai do corpo; no entanto, o besouro expele sua corrente em pulsações gotejantes pequenas e contínuas. Assim, a corrente de material explosivo não é continua, de forma que o besouro não é morto pelo seu próprio mecanismo de proteção.


Fonte: Wikipédia

2 comentários:

Ronie Leite disse...

Amigão, blz? vc poderia por o meu credito na primeira fotografia?

Agradeço

Ronie Luis Leite

Ronie Leite disse...

AMIGÃO TE PEÇO MAIS UMA VEZ, OU PÕE MEUS CREDITO NA PRIMEIRA FOTO ACIMA OU RETIRA ELA E PROCURA OUTRA.