segunda-feira, outubro 13, 2008

Você sabia?

Você sabia que o camarão mantis possui a visão mais sofisticada do mundo, chegando a distinguir até 100.000 cores?

Um olho de um estomatópode contém 16 tipos diferentes de foto-receptores (12 para análise de cores, em comparação com os nossos 3 cones foto-receptores), filtros de cor e muitos receptores de polarização, tornando a retina destes seres a mais complexa do mundo. Um mantis consegue ver luz polarizada e quatro cores de luz UV. Conseguem também distinguir até 100.000 cores (enquanto que a visão humana consegue apenas ver até 10.000).O camarão mantis é um animal magnífico, cheio de surpresas e habilidades, pertencente à ordem Stomatopoda e que vive a pouca profundidade em águas tropicais e temperadas.
Utilizam garras específicas para capturar e dominar as suas presas, trespassando-as ou despedaçando-as. A força e rapidez que um espécime adulto exerce com as suas garras são equivalentes a um disparo de uma arma de calibre 22. Por diversas vezes, já aconteceu estes camarões conseguirem quebrar vidro duplo.O ataque de um mantis é considerado um dos movimentos mais rápidos no reino animal, com velocidades na ordem dos 10 metros por segundo, sendo que até os peixes mais rápidos são facilmente agarrados, perfurados e imobilizados pelas suas garras.
Outra característica fascinante destes seres é a sua capacidade de comunicação. As comunicações entre estomatópodes apresentam uma das mais rápidas taxas de transmissão de informação do reino animal. Durante interacções agressivas entre estes seres, as taxas de transmissão podem atingir os 8,6 bits por segundo. São de assinalar, como ponto de comparação, as seguintes taxas médias de transmissão:

- Caranguejos eremitas : 1,5 bits/segundo
- Rastos de feromonas das formigas de fogo: 1,4 bits/segundo
- Dança das abelhas: 2 bits/segundo
- Diálogo humano: 6 a 12 bits/segundo

Na realidade, apesar do seu nome vulgar, estes estomatópodes têm muito pouco em comum com os vulgares camarões ou com outros crustáceos decápodes e variam em tamanho de apenas 1 a 2 cm até mais de 30 cm em espécies do género Lysiosquilla, podendo considerar-se uma criatura bastante agressiva. Os seres de maiores dimensões conseguem vencer animais de dimensões bastante superiores, seja em situação de defesa, seja em caso de ataque, por exemplo, por uma questão de alimento.Muitas das espécies vivem em corais e rochas e utilizam as suas duras garras como um bastão para reduzirem as suas presas a pequenos pedaços. Estas armas são de tal modo eficientes que são capazes de destruir rapidamente pernas, garras e carapaças de caranguejos, camarões, caracóis e outros seres de constituição rígida. Estes estomatópodes liquidam frequentemente caranguejos de dimensões muito superiores, partindo-os com as suas garras e transportando os pedaços para a sua caverna a fim de os consumirem. Outros animais, como bivalves e caracóis, são simplesmente transportados para «casa» e esmagados contra uma parede.O mantis é um dos poucos seres invertebrados que vivem de forma monogâmica, podendo algumas espécies viver em casal até 15 anos.
É importante ter muito cuidado e protejar as mãos com luvas grossas ou utilizar qualquer tipo de instrumento de modo a não aproximar as mãos do animal. Convém notar que vários mergulhadores já sofreram amputações de dedos por causa de estomatópodes e os aquariofilistas por vezes ficam com golpes desagradáveis.
Fonte: Bioaquaria

Um comentário:

G.C.P.C. disse...

Puxa! Queria saber como são essas outras 90000 cores! =P